Programa de Adequação Ambiental de APPs

O Programa de Adequação Ambiental das Usinas Batatais e Lins já completou, até 2018, o plantio de 2,7 milhões de mudas de árvores em margens e nascentes de rios em fazendas que a empresa utiliza para plantio, incluindo áreas próprias e de parcerias. Essas regiões são consideradas Áreas de Preservação Permanente - APPs e são protegidas por lei, até como necessidade de preservação da própria vida humana.

A iniciativa conta com a parceria do Laboratório de Ecologia e Restauração Florestal - LERF da Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" (Esalq/USP) e prevê o reflorestamento de uma área de 1.400 hectares na região de Batatais (SP) até 2024. Na região de Lins (SP), serão mais 580 hectares até 2020. 

A usina é responsável por todo o processo, incluindo o levantamento, preparo, plantio e cuidados das áreas reflorestadas, que é acompanhando por técnicos da usina e da universidade. Das 200 mil mudas plantadas anualmente em Batatais, 150 mil são de viveiro próprio e 50 mil são compradas de instituições beneficentes do município. Em Lins, as cerca de 200 mil mudas plantadas anualmente são adquiridas.

Fotos

 

Vídeo Institucional

Qualidade e Certificações

Históricos de Produção

Açúcar

Visualizar